Ralis

Armindo Araújo lidera Rali Serras de Fafe e Felgueiras

1.7kvisualizações

O pentacampeão de Santo Tirso está a revelar um andamento muito forte nesta prova inaugural do Campeonato de Portugal de Ralis. É o seu primeiro rali aos comandos do Skoda e incluído na nova estrutura da The Racing Factory

Está na estrada a 33ª edição do Rali Serras de Fafe e Felgueiras. Decorridas a primeira etpa, percorrida ao longa da tarde e da noite de ontem, sexta-feira, a dupla Armindo Araújo/Luís Ramalho (Skoda Fabia R5) é líder depois de ter vencido o primeiro troço e ficado em segundo na PEC2 e na Fafe Street Stage.

Nicolay Gryazin/Nicolay Gryazin (Hyundai i20 R5) são segundos classificados a 5,2 segundos dos líderes. A dupla russa foi mais forte na segunda passagem pela especial de Aboim/Monte e está na luta pelo triunfo.

Os campeões em título Ricardo Teodósio e José Teixeira (Skoda Fabia R5) são terceiros classificados a 13,3 segundos de Armindo Araújo. Teodósio terminou a jornada da melhor forma, ao vencer a passagem pela Fafe Street Stage, terceira e última especial desta jornada inaugural.

Para Armindo Araújo, o dia correu bem: “Ganhámos as duas passagens por Aboimno que ao Campeonato de Portugal de Ralis diz respeito. Entrámos bem, o carro estava muito bem nas duas passagens, o que reflecte o trabalho que fizemos durante os testes. A Racing Factory também esteve muito bem na preparação do carro e senti-me muito confortável nestas duas especiais. Neste segundo troço, já nem ataquei tanto nas zonas onde podia furar. Portanto, acho que foi uma entrada inteligente e com um resultado bastante positivo“.

Entre os principais protagonistas do campeonato, a “fava” deste primeiro dia saiu à dupla Pedro Meireles/Màrio Castro, forçados a desistir logo na 2ª especiao, devido a falha mecânica no VW Polo GTi.

Adruzilo Lopes e Paulo Silva, num Mitsubishi EVOMIX, dominam entre os RC2N, tndo já “fora de combate” Fernando Teotónio, um dos seus principais adversários. Este foi forçado a desistir com problemas no Mitsubishi EVO X que conduz, navegado por Luís Morgadinho.

Já o jovem estoniano Georg Linnamäe, acompanhado pelo ucraniano Volodymyr Korsia, está a dar um verdadeiro recital de competição aos comandos de um Peugeot 208 VTi, sendo líder destacado entre as duas rodas motrizes.

O segundo e último dia da prova inaugural do CPR contempla 10 especiais de classificação. A grande novidade é o aparecimento de uma Power Stage, com pontos extra para distribuir. Será a 12ª PEC, correspondente à 2ª passagem pela especial da Lameirinha.

Deixe uma resposta