Montanha

Parcídio Summavielle ataca em duas frentes em Boticas

426visualizações

O piloto de Fafe que defende as cores da UZO vai concluir a sua participação no Campeonato de Portugal de Montanha JC Group em grande, ao alinhar em duas frentes: aos comandos do seu Renault Clio R3 vai discutir a vitória na Divisão Turismos 3, trazendo ainda de volta o seu Datsun 240Z para disputar a primazia nos Classicos.

Parcídio Summavielle quer mesmo fazer desta derradeira prova da temporada numa festa, ainda que se trate de um fim-de-semana onde ainda está na disputa no título da sua divisão, ainda que para alcançar o cetro precise de calculadora. Isto porque ao piloto minhoto não basta vencer, precisando que o seu rival, Sérgio Nogueira, não seja sequer terceiro.

Mas a prova do Targa Clube será sempre um momento especial para Parcídio, que, como é seu apanágio, vai “lutar até à última” para almejar o título de campeão da Divisão Turismos 3, mesmo reconhecendo que “tudo se inclina em favor do meu rival, a quem bastará ir ao pódio. Mas faz parte do meu feitio nunca desistir ou ‘voltar a cara à luta’. E desta vez não vai ser exceção”.

“Sei, como é óbvio, que será muito complicado chegar ao título. Vou dar o máximo para bater o Sérgio, que para além de amigo foi um adversário muito forte e digno. Pelo que a ser campeão sê-lo-á com toda a justiça”, considera também o piloto fafense.

Parcídio Summavielle diz que vai “tentar fechar a época com mais uma vitória”, que seria a terceira da época na Divisão Turismos 3, numa prova onde a grande novidade é o facto de ter tirado da garagem o velhinho e incónico Datsun 240Z, inscrito no Campeonato de Portugal de Clássicos de Montanha.

“Decidi alinhar com o 240 Z, porque o carro faz 50 anos. E esta é também uma forma de terminar o campeonato da melhor maneira, divertindo-me e tentando lutar pela vitória nos Clássicos”, explica o piloto-edil de Fafe, que vai para Boticas com ambição redobrada.

A Rampa de Boticas arrancará pelas 13.45 de sábado, 18 de setembro, com a sessão inaugural de “warm up”. O primeiro dia contemplará ainda duas subidas de treinos oficiais e a 1ª subida de prova. No domingo, 19 de setembro, nova sessão de “warm up” pelas dez da manhã. Depois, mais uma subida oficial de treinos, antes das duas decisivas subidas de prova que fecharão o programa competitivo da última prova da temporada do campeonato de Portugal de Montanha JC Group.

(Visited 51 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta