Ralis

Fábio Santos e Ricardo Sismeiro no Vidreiro para reforçar posições

1.7kvisualizações

Depois dos problemas mecânicos em Vouzela terem tirado à dupla do Prototype FS team uma vitória “cantada” na Divisão 2 Kumho e um lugar bem dentro do top 10 do rali, agora o foco está na manutenção e reforço das lideranças das duas competições dos pneus coreanos que estão entre os objetivos principais de época. O rali Videreiro é uma prova muito especial para a dupla porque é “à porta de casa”.

A época de 2020 tem sido árdua desafiante e, a espaços, ingrata para Fábio Santos e Ricardo Sismeiro. Problemas mecânicos, normalmente de pequena monta, apresentam-se como um óbice ao que poderia, até ao momento, ser uma época ainda mais bem-sucedida e profícua.

Mas, mesmo assim, o talento e a competitividade da dupla têm chegado e sobrado para estarem, agora que entrámos na fase decisiva da época, na liderança dos Desafios Kumho Asfalto e Centro, no que concerne às contas da Divisão 2. Estão ainda na discussão dos lugares de pódio nas duas rodas motrizes do Campeonato Centro de Ralis e este trio de objetivos está perfeitamente ao alcance e, como refere Ricardo Sismeiro, navegador e team manager, a equipa “tem trabalhado de forma metódica e eficaz na preparação das provas, garantindo-nos não apenas que o Citroen está capaz de enfrentar a forte concorrência, como nos dão total confiança no trabalho que têm feito no desenvolvimento do seu índice de competitividade”.

E chega o momento de enfrentar uma das provas que mais diz a Fábio Santos e Ricardo Sismeiro. O Rali Vidreiro é sempre muito especial para a dupla de Leiria porque é “claramente o nosso rali, onde temos famílias e amigos a puxar por nós e, como tal, queremos sempre assinar uma exibição bem conseguida”,afirma Fábio Santos.

O piloto assume que “este é um rali muito importante para as contas finais das competições que queremos vencer. Vamos encarar esta prova desafiante com muita concentração. Não podemos esquecer que, mesmo estando nós e com todo o mérito, na discussão de títulos, esta é também uma época de aprendizagem e evolução, não apenas do carro, mas também nossa, enquanto piloto e navegador. Eu e o Ricardo estamos cientes de que ainda temos muito que evoluir, mas também não deixamos de nos sentir orgulhosos da carreira que já construímos”. Assume ainda que “estaremos no Vidreiro para alcançar um resultado forte, sobretudo nas contas da Divisão 2 Kumho. Uma presença no pódio e, se tudo correr sem problemas, a vitória estará na nossa mira”.

O programa competitivo deste Rali Vidreiro 2020, para todas as competições envolvidas, será totalmente concentrado no dia de sábado, 10 de outubro.

Deixe uma resposta