Montanha

Rampa da Penha: Cláudio Batista quer prosseguir evolução

511visualizações

Depois de uma estreia positiva no traçado da Covilhã, o piloto de Fafe regressa a terreno mais familiar na Rampa da Penha, onde irá procurar continuar a sua evolução e conseguir melhores resultados ao nível da Divisão Turismos 3 do Campeonato de Portugal de Montanha JC Group.

Mais à vontade na prova vimaranse, Cláudio Batista sabe que tem todas as condições para, não apenas vencer de novo a sua classe e o grupo, mas também obter um melhor resultado ao nível da Divisão, sendo que o DS3 se tem mostrado um ‘aliado’ precioso para alcançar os seus objetivos, e que para o evento da Demoporto não requereu grandes retoques.

“A nível da preparação do carro a última rampa, felizmente, correu tudo bem. Não tive muito que fazer, apenas trocar o pára-brisas da frente, que devido ao sol rachou”, adiante o piloto fafense, salientando que até em termos de ‘calçado’ não deverá haver novidades: “Verifiquei o estado dos pneus, para ver se ainda se adequavam para esta prova. Penso que ainda vão dar, apesar de levar também uns novos, por precaução”.

Quando à prova em si, Cláudio Batista salienta as características muito próprias, bem como o facto de em Guimarães estar praticamente no seu ‘quintal’. “A rampa tem um traçado curto, muito técnico. É uma rampa engraçada. E é claro que correndo perto de casa há sempre a presença de pessoas mais ligadas a mim, em termos de família e de amigos”, destaca. O piloto minhoto garante que ter a família perto de si “é uma mais-valia”, mas que “infelizmente não” consegue “tê-la por perto em mais rampas devido aos afazeres profissionais, que não lhes permite deslocarem-se a provas mais longe”.

Por isso Cláudio Batista não tem dúvida de que este é um fim-de-semana sempre muito especial para si. “Nesta rampa tenho a minha família comigo e sinto muito orgulho e vou tentar dar o meu melhor. Fazer subida a subida procurando melhorar e ver o que vai resultar em termos de tempos, alcançando os meus objetivos e perceber que estou a evoluir”, promete.

(Visited 34 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta